Claridão:Talvez, passamos a maior parte de nossas vidas marginalizando o amor e a verdade sobre o que nós poderíamos ser de acordo com nossos limites emocionais

 
Silva

 
 
 
 
 
 
 
“Claridão” é um álbum capaz de desnudar em melodia toda a angústia e insegurança que habitam as nossas fronteiras mais secretas. Ele se mostra como uma fórmula de refazer planos e entender definitivamente que o que sentimos são proposições universais. “Claridão” não nos traz luz,a priori. Ele nos faz enxergar diante do escuro e cria um elo que serve como adaptação entre os nossos vazios e nossos erros. O certo é o óbvio. É aquilo que já sabemos e que não saberíamos administrar se não fosse a possibilidade que cresce em nós através do incerto. Dentro do incerto, o que não deixa de ser um “pré-certo” também, tem uma margem de acerto e talvez nessa margem que reside as nossas criações afetivas. Talvez, passamos a maior parte de nossas vidas marginalizando o amor e a verdade sobre o que nós poderíamos ser de acordo com nossos limites emocionais. Há uma imersão no cansaço em viver essa vibe psicodélica, em acreditar em nossas falsas vaidades e analogias de tantas outras canções de “auto-ajuda”, que não nos ajuda, apenas retiram de nós o que está ferido em busca de algo ou o que soa como fantasias da alma. “Claridão” é motivador sem deixar o ar de angústia dominar um “eu” que luta todo o tempo contra o reconhecimento de que desistir em algum momento pode ser uma jogada fatal do jogo. Parece ser uma luz tão forte que há uma radiação para várias direções, e você vai escolher quais são aquelas que ajudarão a enxergar como você acha que deve enxergar.
Silva2
Na verdade, não buscamos os mesmos caminhos, buscamos caminhos alternativos e sabemos que os caminhos antigos, não deram certo e nunca deveremos tentá-los novamente, e isso é uma regra particular obrigatória. Claridão parece ser pequeno e divertido, mas no fundo ele te provoca e testa a sua capacidade de conviver com experiências erradas e novas perspectivas de vida.Musicalmente, claridão mistura Indie e eletrônica. Há um amor equilibrado em algum ponto e que talvez não seja o centro das atenções. O mais importante é aprender enxergar quando tudo estiver ruim e sem definições claras. Na real, claridão nos convida a entender que em algum momento da vida o tédio é/será cute e que para amar temos que saber sermos críticos de nós mesmos, de nossas aventuras e desventuras, de nossas atitudes que em qualquer outro momento nunca a teríamos feito. O amor é estranho, amar é estranhar-se e acreditar que encontraremos no outro a capacidade de criar ordens em nós mesmos. “Claridão” é direto, porém, imbatível com sua linguagem e suas intenções.
silva3
Só pode ficar claro aquilo que estava escuro, ou que está escuro. E é dessa escuridão que tenho medo. É nela que reside as piores e as melhores escolhas da nossa vida. Um jogo de certo e incerto. Um Deja vu que necessariamente conceitua o que estamos sujeitos a ser e como somos vulneráveis em nossas escolhas, principalmente quando se trata de amar. No fundo, há um percentual do ” fator” escolha” no amor. De certa forma escolhemos alguém para apaixonar. Alguém que traz algo de nós e que estimula as nossas defesas, tão indefesas. “Claridão” ´é um álbum gigante, uma obra a favor da auto-confissão como ideia de que amar sozinho é uma eterna relação de perder-perder. Na verdade e é essa é a última delas, o fato de que o “amar” tem uma face de vencer-vencer, assusta e não é totalmente decifrável. Amar é um sistema gigantesco e emblemático. Coisa de gente grande e quem sabe de gente que não analisa demais e não se cobra demais.
 
A seguir cinco canções do “Claridão” do cantor Silva que você deveria conhecer:
01. 2012
02. 12 de maio
03. Cansei
04. Falando Sério
05. Mais Cedo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s